segunda-feira, janeiro 23, 2006

Regresso do Nightmare - A ida ao Europeu de 2000 (episodio 1)

Corria o ano de 2000. Por ser o meu ultimo ano de universidade e por ter acabado de regressar de um ano em Erasmus no Reino Unido , estava com a cabeça voltada para viajar. Passei o ultimo ano a viajar e não assentava em Coimbra mais do que 2 semanas sem ir a algum lado. Depois de um ano disso , encontrava-me numa bela esplanada em Lisboa, a beber um sumo de laranja onde confraternizava com amigos de infancia que ainda não tinha visto nesse ano. Partilhava com eles o meu cansaço daquele ano e de como não andava a estudar nada. Estava a por em risco o fim da minha licenciatura e tinha decidido entrar num periodo de reclusão em casa, a estudar e a restabelecer habitos de normalidade. Estava feliz por ter tomado essa decisão, pois achava-a muito madura e responsável. No preciso momento em que estou a confidenciar isso aos os meus amigos, recebo uma chamada. JP74 no visor era igual a não deve ser boa coisa do meu pensamento. Aqui tento fazer descrição pormonorizada:
Açoriano - Tou JP , então tudo bem?
JP - É pá tudo bem, pá , que vais fazer nos próximos tempos?
Açoriano - Olha até parece de propósito, tava mesmo aqui a dizer aos meus compatriotas que vou descansar uns tempos e ver se estudo para acabar o curso antes do verão, porquê ?
JP - É pá, queres ir ao Europeu , num autocarro, com mais 10 malucos com hoteis , bilhetes e comida tudo á borla?
Açoriano - O QUÊ?!??!?!?!
JP - É pá, queres ir ao Europeu , num autocarro, com mais 10 malucos com hoteis , bilhetes e comida tudo á borla?
Açoriano - Ó cara.... percebi á primeira , mas como é que é isso?
JP - ganhei o prémio das Pringles, os gajos oferecerem tudo. Vamos aqui a malta da Mancha ver o Portugal Inglaterra
Açoriano - É pá, já disse a toda gente que agora ia ficar por casa a estudar . O jogo é dia 12 de Junho e tenho exame de Estatística a 18, como é que vou fazer?
JP - pá tu é que sabes , mas oportunidades destas não aparecem duas vezes na vida
e continuou. Entre o sentido de dever e o da irresponsabilidade de ir para a Holanda na ultimo época de exames do curso parece-me obvia a escolha que fiz.
Fui á Holanda, vi o melhor jogo da selecção de sempre, mandei um postal de Amstardão á minha professora de Estatística, estudei no autocarro nas longas horas de autoestrada. Passei á cadeira e acabei o curso. Ainda hoje penso que se soubesse que sei hoje nunca tinha tomado essa decisão irresponsável. Ainda bem que na altura pensava de outra forma. Ia ficar com esse jogo entalado na minha vida para sempre.

3 comentários:

Roger Sousa disse...

O AZOREANO!! conta lá é as partes proibidas!! como a de tu acordares de um sonho "em posiçao de quatro" e a gritares Nao NAo Nao !! pk sera? será? porque no dia anterior tinhas estado a ver um filme porno com um excelente artista!! :) ou seria por teres odio nesse coraçao? amigo um abraço para ti e as saudades são muitas espero que estas sejam quebradas mas obviamente que estas nao o sejam pela academica descer de divisao e termos que ir ai a esse fim de mundo.

Desnorteado disse...

lol quem me dera ter uma sorte dessas pa ir ver assim um jogo.. como é obvio a minha eskolha ia ser a mesma!

vamos lá ver s este ano vai aparecer oportunidade de ir para alemanha :)

Anónimo disse...

tem calma roger não tires o véu!

Branco